Cecilio no Escritório

Cecilio no Escritório
Cecilio no Escritório

terça-feira, 27 de fevereiro de 2007

Maioridade Penal

Este assunto está muito em evidência, gostaria aqui de expressar minha opinião e de saber outras.
- Na minha opinião a idade penal deveria ser a mesma para todos os demais ítens : eleitoral, habilitação, universidade, responsabilidade cível, etc, portanto não basta apenas alterar a penal, deve-se também adequar as demais, na minha opinião todas deverão ser aos 18 anos.
- Em caso de crimes cometidos por menores de 18 anos, estes deverão ter suas penas adequadas a idade, acho que se o menor teve discernimento para comete-lo também deve te-lo para assumir a responsabilidade, as penas poderiam ser reduzidas a metade de um que seja imputável no total, isto como exemplo, é claro que em reformatórios que reformem e eduquem e não nestas hoje " escolas do crime " existentes em nosso sistema.
- É só, aguardo opiniões.

3 comentários:

Elvis N. disse...

Ow Cecilio. a Globo News esta precisando de comentaristas...Vou mandar um email pra eles, pedindo pra ver o seu blog...., to brincando, ta massa!!!Depois entra no meu pra ver minha opiniáo.
bye

Ana Carolina disse...

Concordo plenamente com você!
Tudo começa com a educação e não digo a educação média ou universitária, digo a educação primária mesmo...
Mas também não podemos esquecer que algumas, senão todas, pessoas são o que são, fazem o que fazem devido ao próprio caráter...independente da idade....e a respeito disso não sei como proceder com mudanças!!hehehe

Muito bom esse blog viu!! Gostaria de conhecer-te...hehehehe

bjs
da filhinha do coração

Edith disse...

Amigo Cecílio,

Quando tivermos políticos que pensem e ajam como o Dr. Manoel de Lima, Juiz aposentado e Vereador em S.José dos Campos de 2000 a 2004, poderemos falar em reforma política, maioridade penal e outros assuntos tão importantes quanto. Diz ele:
“o mundo é um imenso corpo e seus membros são os Municípios, Estados e Países e, como todo corpo, precisa de uma seiva forte que o alimente e fortifique. Esta seiva é a Política!
A Política de que falo é aquela que serve de ferramenta para construir, consertar, transformar, lapidar, esculpir, e que mostre ao final de todos os trabalhos realizados não o mundo idealizado das campanhas, mas um mundo real onde cada habitante viva com dignidade no seu espaço. Se a seiva estiver contaminada, todos os membros desse corpo sofrerão as conseqüências. É por isso que estouram as guerras, prolifera a corrupção, explodem as bombas... O mundo precisa de uma nova seiva correndo em suas veias. Uma seiva carregada de Solidariedade, não aquela traduzida em ‘ajuda gratuita’ e das situações emergenciais, mas na Solidariedade que nos faça ver o “outro” – pessoa, povo, nação – como semelhantes. A Solidariedade é o caminho para a erradicação da “pobreza política” que impede o desenvolvimento de políticas voltadas para o ser humano e que atendam as suas necessidades de teto, terra, água, trabalho, educação, segurança e saúde.”

Fui assessora dele e sinto saudades! Que aprendizado!

Abraços
Edith
06.05.2007